Morre ex-treinador da Lusa Valdir Espinosa

Da Redação

Como vários clubes desportivos no Brasil, a Associação Portuguesa de Desportos também divulgou nota lamentando a morte de seu ex-treinador Valdir Espinosa, aos 72 anos, no Rio de Janeiro, e presta sua solidariedade aos seus amigos e familiares.

“Espinosa foi um dos grandes nomes do futebol brasileiro e teve três passagens pelo Canindé. A primeira, em 1996, o treinador foi responsável por montar a base do elenco que iria se consagrar vice-campeão brasileiro daquele ano. Em 2002, em nova passagem pela Rubro-Verde dirigiu a Portuguesa durante o Torneio Rio São Paulo e Copa Do Brasil. Já em 2008 dirigiu a Lusa durante o Brasileirão”.

Espinosa estava desde dezembro no clube carioca Botafogo, como gerente de futebol, e se licenciou para realizar uma cirurgia na região abdominal. Após o procedimento, o seu quadro de saúde piorou.

Ex jogador e treinador, ele foi campeão carioca pelo Botafogo em 1989 e campeão do mundo pelo Grêmio em 1983. Passou também pelo Vasco da Gama, pelo Fluminense, além de ter trabalhado como comentarista esportivo na imprensa brasileira.

Como treinador ele passou pelo Verdy Kawasaki, do Japão, Coritiba, Paraná, Portuguesa, Athletico-PR, Fortaleza, Ceará, Santa Cruz, Duque de Caxias, Metropolitano, e como coordenador técnico também pelo Grêmio e Esportivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend