Educação: Motor para a Inserção

Por Diamantino Lourenço Rodrigues de Bártolo As Relações Sociais entre as pessoas, serão tanto mais facilitadas e produtivas, quanto melhor …

Emigrateca Portuguesa

Por Daniel Bastos A emigração lusa, ao longo das últimas décadas, tem recebido uma crescente atenção por parte dos investigadores, …

O futuro do ozônio no Brasil

Por Carlos Heise O ozônio é um gás conhecido há mais de um século pela humanidade. A molécula de fórmula …

A vida de Bocage

Por António Cabrita   Não sei se Manuel Maria de Barbosa du Bocage (1765-1805) era bilharista. A sê-lo, alinharia pelos …

Bajular para Enganar

Por Diamantino Lourenço Rodrigues de Bártolo Assumir posições frontais e sinceras em defesa de um familiar, amigo, colega, ou de …

Vencer a Crise com a Fé no Progresso

Quando, cuidadosamente, estudamos a História da Humanidade, obviamente, à escala global, possivelmente, não haverá um período, um continente, um país, uma organização ou até uma pessoa, que não tenha experienciado algum tipo de crise: na saúde, no trabalho, na economia, nos valores, nos sentimentos, nas relações interpessoais. O mundo sempre viveu, lutou e venceu inúmeras crises. O Ser Humano, dotado de extraordinárias capacidades: científicas, técnicas, intelectuais, manuais, entre outras, tem estado na linha da frente para as vencer.

“O Legado do Ensaiador”

100 ANOS do Centenário do Nascimento – Sr. Luiz de Figueiredo.
Ilustre fundador e ensaiador do R.F. Verde Gaio. 1921 | 06 de Maio | 2021

Fátima. Fé e Esperança em Maria – 13 maio 2021

Respeitando as religiões que: cada povo, cada instituição, cada pessoa, professam, e desejando-se igual comportamento, a verdade é que os crentes numa Entidade Divina, têm necessidade de nela acreditar, e a ela recorrer sempre que se encontrem em situações-limite, principalmente quando tudo parece estar perdido

O mimimi da geração floco de neve

A geração ‘floco de neve’ (pessoas que atingiram a fase adulta no início dos anos 2010, com elevado senso de unicidade e fragilidade), acostumou-se a tudo reclamar, a tudo problematizar, sendo suscetível a qualquer tipo de crítica.

Menina e Moça me Levaram

Os últimos anos têm sido pródigos na conceção e realização de obras de autoras nacionais ou lusodescendentes residentes no estrangeiro dedicadas às mundividências femininas no contexto migratório, umas das dimensões da emigração portuguesa que por via destes contributos literários começa a ser mais conhecida e estudada.

Obrigação de Gratidão

Por Diamantino Lourenço Rodrigues de Bártolo   Os “pequenos-grandes” sinais dos verdadeiros amigos (daqueles que nos são solidários; nos têm …

Pai: A felicidade da Responsabilidade

Há datas que se comemoram, com mais ou menos ênfase, certamente, em função de vários parâmetros: familiares, culturais, sociais, institucionais, …

Ascensão da Mulher

Numa sociedade, ainda, fortemente, masculinizada, a situação da mulher não alcançou o lugar que por direito, e por mérito próprio, lhe pertence, pesem, embora, alguns avanços que no último século se verificaram e, principalmente, a partir da segunda metade do século XX

Retribuir as Gentilezas

Os “pequenos-grandes” sinais dos verdadeiros amigos (daqueles que nos são solidários; nos têm sincera e carinhosa amizade; nos são leais e estão incondicionalmente do nosso lado), que se podem receber ao longo da existência terrena, também se revelam em momentos, datas e períodos importantes da vida

Sobrevivemos. Seguimos.

Fazemos e (re)escrevemos a História e, mais do que antes, nosso ‘present continuous’ (presente contínuo) estará no futuro marcado nos livros como um período de resistência e superação – como, aliás, a humanidade teve de fazer várias vezes

Ética e Deontologia da Autoridade

O termo dever é, vulgarmente, utilizado como sinônimo de obrigação, porque os dois termos – dever e obrigação –, sugerem a ideia de cumprimento de algo que é intrínseco, ou extrinsecamente imposto, porém, os vocábulos são distintos, já que a obrigação tem um caráter de necessidade moral

Varela Leal – Uma Voz Que Se Calou

01 de dezembro de 2020, ficou tristemente marcado na comunidade portuguesa de São Paulo e quiçá do Brasil, com o falecimento de Francisco Jose Varela Leal, figura sobejamente conhecida do rádio, jornalismo e até TV, que se ocupa na divulgação dos temas e causas luso-brasileiras no ABC, São Paulo e até outros estados do Brasil, aos 91 anos de idade.

SOMOS TODOS IHOR

Em dezembro de 1961, tinha eu treze anos, Artur Agostinho descrevia pela rádio, em tons dramáticos e pesarosos, a invasão pela União Indiana dos territórios sob administração portuguesa no subcontinente.

Viagem 4.0: a transformação digital no turismo

Um dos setores mais impactados pela pandemia foi o de turismo. Mas, em vez de ficar de braços cruzados, esperando tudo passar, as empresas do segmento apostaram na transformação digital, dando espaço para entrarmos definitivamente na era da viagem 4.0.

O projeto do futuro Museu da Emigração de Cabo Verde

Há sensivelmente um mês, o Instituto do Patrimônio Cultural (IPC) de Cabo Verde, que tem por missão a identificação, inventariação, investigação, salvaguarda, defesa e divulgação dos valores do patrimônio cultural, móvel e imóvel, material e imaterial da nação insular, antiga colônia portuguesa