Surfista português atingido por onda na Nazaré está estável com cuidados intensivos

Da redação

A Liga Mundial de Surf informou esta quinta-feira, 13 de fevereiro, que o português Alexandre Botelho “está estável, permanece na Unidade de Cuidados de Intensivos com necessidade de ventilação assistida”.

O surfista algarvio ficou inconsciente e teve de ser retirado do mar após ser atingido por uma onda na Nazaré. O incidente decorreu no campeonato do Circuito Mundial de Ondas Grandes esta terça-feira, 11 de fevereiro.

As primeiras informações davam conta de que Hugo Vau, surfista que ia a conduzir a mota de água que transportava Alexandre Botelho, tinha partido uma perna também nesse incidente, mas a informação foi entretanto corrigida: o atleta ficou ferido, mas não fraturou a perna.

Depois de atingido por uma onda no final da prova, Alexandre Botelho foi socorrido e retirado da água ainda inconsciente. Após assistência no local, o surfista de Lagos recuperou os sentidos e foi transportado para o hospital de Leiria.

“O Alex está estável e recuperado, e foi encaminhado para o hospital. Felizmente, a operação de resgate foi um sucesso”, afirmou à data fonte da Liga Mundial de Surf, especificando que o surfista algarvio “recuperou os sentidos ainda na areia e está a caminho do hospital”.

“Sabemos que é um risco desta prova e é por isso que todos os meios possíveis estão preparados para socorrer o mais rapidamente possível os atletas”, sublinhou a fonte da Liga Mundial de Surf.

A situação gerou muita preocupação entre os milhares de pessoas que estavam a assistir ao Nazaré Tow Surfing Challenge, levando mesmo a organização a interromper a prova a cerca de dez minutos do seu fim, tendo posteriormente sido cancelada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend