São Tomé e Príncipe convida Galp e Sonangol a explorar petróleo no país

Primeiro-ministro Rafael Branco anunciou, em Lisboa, que governo são-tomense irá licitar, no próximo ano, lotes para a exploração de petróleo.

Da Redação Portugal Digital

O governo de São Tomé e Príncipe quer firmar uma parceria estratégia com as petrolíferas portuguesa Galp e a angolana Sonangol, segundo afirmou o primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe, Rafael Branco, na quarta-feira 17 de setembro, durante visita de dois dias a Portugal.

“Há uma posição clara do governo de querer estabelecer com a Galp e a Sonangol parcerias concretas, para explorar petróleo em São Tomé”, disse Rafael Branco, por ocasião da apresentação, em Lisboa, da companhia aérea nacional da STP Airways.

Rafael Branco, quando questionado sobre o que correu mal em 2005 quando a Galp e a Sonangol tentaram investir em São Tomé, recordou que “houve muitos avanços e recuos nessa matéria, porque havia obstáculos de natureza legal e que não foram eliminados”.

Rafael Branco disse que o seu governo pretende lançar, no próximo ano, um leilão de lotes para a exploração de petróleo. Anteriores governos são-tomenses também já haviam proposto idênticas parcerias à estatal brasileira Petrobras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend