2.550 cidadãos estrangeiros expulsos de Angola na última semana

Da Redação
Com Lusa

O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) de Angola expulsou, na última semana, 2.550 cidadãos estrangeiros por “decisão judicial e administrativa”, menos 25 que na semana passada.

As autoridades angolanas detiveram também 2.519 cidadãos por “permanência e auxílio à imigração ilegal”.

Segundo o relatório semanal de ocorrências do SME referente ao período de 27 de março a 03 de abril, enviado à Lusa, em Luanda, neste período foram notificados e “convidados a abandonar” o país sete cidadãos estrangeiros por “permanência ilegal”.

O relatório adianta que durante a última semana foram “recusados” a entrar no país e “consequentemente reembarcados” dez cidadãos de diversas nacionalidades a maioria por “falta de documentos de viagem”.

As autoridades angolanas informam igualmente que foram impedidos de sair de Angola 23 cidadãos nacionais, nomeadamente, por aquisição fraudulenta de passaporte, falta de meios de subsistência, uso de visto falsificado, entre outras razões.

Quanto ao movimento migratório, o SME registou a entrada de 27.129 passageiros de diversas nacionalidades, destes 12.531 nacionais e os restantes estrangeiros e a saída de 28.951 passageiros, dos quais 14.230 nacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend