Elos Clube do Grande ABC segue com reformulações em sua sede para 2019

Participantes reunidos na última festiva de 2018 na sede do Elos ABC.

Por Vanessa Sene

Márcia Rodrigues segue à frente do Elos Clube do Grande ABC este ano, seguindo como presidente até agosto de 2019. No último dia 17 de dezembro, a unidade elista completou 31 anos de fundação, e encerrou 2018 com uma festiva conjunta com o Lions Club Santa Maria, de São Caetano do Sul, que também é comandado por uma mulher, a Sueli Camargo, que aliás foi apresentada como nova integrante do movimento elista.

Já somando quase dez anos na diretoria do Elos ABC, a presidente Márcia Rodrigues terminou 2018 feliz com os resultados concretizados. “A nossa sede deu uma renovada, está novinha, conseguimos finalmente inaugurar um elevador. Para um clube, hoje em dia, é difícil. Nós conseguimos esse conforto a mais para os sócios e para o espaço quando alugado para festas”.

Segundo Marcia Rodrigues, o que “segura” o Elos são os alugueis do salão de festas, em consignação com o Buffet Fabricando Sonhos. Mas, assim como diversas associações luso-brasileiras, também o Elos Clube do ABC tem recebido adesões de novos sócios, como ocorreu na confraternização de encerramento de 2018, quando a entidade empossou três novas sócias. “Não é só empossar, porque está muito na moda entrar, porque querem ir para Portugal, não é, elas excepcionalmente querem participar e fizeram questão de estarem presentes na festa de fim de ano”, contou.

Atualmente, muitos brasileiros procuram associações e mídia luso-brasileira para se associar e comprovar relação com a comunidade portuguesa, para incluir essa comprovação no processo de nacionalidade portuguesa no Consulado. Segundo ela, que participa de outras instituições maiores, a solicitação é grande atualmente.

Apesar desse contexto, Marcia Rodrigues defende que vem sentindo uma renovação no clube. “A diferença é que as pessoas que vem para o Elos querem conhecer, o que não vejo nas outras, que as pessoas querem a carta [de comprovação] e somem. O que me deixa feliz é que tem gente nova chegando”.

Do lado cultural do clube, o ano passado teve menos atividades, segundo a presidente, apostando mais no lado humanístico. “Fiz uma parceria com o Lions Club, e os eventos beneficentes eram feitos em conjunto. A ideia é fazer conjunta com elas e a verba arrecada é direcionada para entidades carentes. Essa parceria está dando certo. O Lions é mais voltado para a parte de se doar, não tem o viés cultural”.

Já o Elos ABC, pretende retomar as atividades culturais para 2019, com visitas a teatros e viagens culturais. “A minha turma adora isso também, estou aqui porque gosto disso, e acabamos virando uma família mesmo”.

Cerca de 25 associados compõe hoje o clube, o que segundo a presidente, para “um Elos” é bastante. Em 2018, lembrou Marcia, São Paulo teve alguns Elos que fecharam as portas e encerraram suas atividades.

O Elos ABC completou uma reforma de banheiros adaptados, troca de piso, ar condicionado e elevador instalado em sua sede. Agora para 2019, o clube vai reformular o palco e iluminação, além de outras ampliações. A parceria de tantos anos com o Buffet, agora com novo comando, traz ideias novas para o espaço, defendeu Marcia.

Nessa reformulação no prédio do Elos concretizado em 2018, o elevador é uma das grandes aquisições. “Tínhamos uma elista, a dona Júlia que faleceu com quase cem anos, é uma querida e toda reunião do Elos ela subia dois lances de escada. Infelizmente ela não viu pronto, então numa reunião, decidimos fazer uma placa em homenagem a ela e o elevador terá o seu nome” disse a presidente citando o marido da homenageada, Sr. Herlander Gomes, que também participa e é querido por todos igualmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend