Almoço de N.Senhora da Mó reuniu bom público no Arouca SP Clube

Procissão nas dependências do clube. Confira Galeria de Imagens >>

Por Odair Sene

No domingo de 16 de setembro, o presidente José Pinho dos Santos, juntamente com seus diretores, recebeu um público bastante bom para um evento anual e muito tradicional para a família arouquense. Almoço de Nossa Senhora da Mó.

A concorrida programação é toda realizada nas dependências do clube, com Missa Solene na Capela, abrindo a programação, seguida de uma procissão em torno da entidade, depois um grande almoço com a suculenta bacalhoada arouquense, entre outras opções, depois da aplaudida apresentação folclórica com o Rancho Folclórico Arouca São Paulo Clube, a programação foi encerrada com um animado arrasta-pé.

O presidente José Pinho dos Santos gostou do evento. “Nossa Senhora da Mó é a imagem de Nossa Senhora numa serra de Arouca. A padroeira de Arouca é a Rainha Santa Mafalda, que também é nossa padroeira aqui do nosso clube. A Senhora da Mó é uma tradição, de muitos anos, que é uma lenda, diz a história que um cidadão foi parar dentro de uma caixa numa serra e pediu a Senhora da Mó que se o salvasse, ele construiria lá uma capela, como realmente existe, ele foi salvo, não morreu na caixa, então temos lá a capela, onde as pessoas veneram a N.S. da Mó”, explicou.

Trata-se de um evento anual, que as pessoas já acostumaram a participar e confraternizar e que antes de tudo serve para integrar a comunidade. “É uma grande confraternização, uma festa muito tradicional, com missa, procissão, com andores, é uma festa que é tradicionalmente do dia 8 (o dia da Santa) mas estamos fazendo hoje, dia 16, assim seguimos nossos costumes”, disse.

Rancho Folclórico Arouca São Paulo Clube e Rancho Folclórico Português Aldeias da Nossa Terra, são os dois grupos de folclore da entidade, que na verdade não são formados por grupos distintos, são os mesmos componentes que usam duas denominações diferentes, conforme explicou o presidente José Pinho.

Sendo que o R.F. Arouca é o primeiro grupo da casa, que depois recebeu componentes vindos do antigo Aldeias de Portugal, desfeito pelo Trasmontano. “Na verdade temos um grupo, com dois trajes diferentes, o Arouca apadrinhou componentes do Aldeias que hoje formam nosso grupo”, disse ele calculando umas 300 pessoas presentes neste almoço.

Acompanhe nossa agenda de eventos pelo Mundo Lusíada online para saber detalhes de como participar do próximo almoço que o Arouca realiza no final de setembro, será organizado pelo Departamento Feminino, e beneficente em prol de entidades carentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend