mundolusiada

Destaques da Semana: Há anos no futebol Árabe, o técnico luso assina pelo Santos

O técnico português Jesualdo Ferreira (73 anos), que ha longa data atua no futebol árabe (onde em 6 anos, de 2014 a 2019, conquistou 7 títulos, sendo 1 Liga Egípcia, 1 Taça Egípcia, 1 Liga do Qatar, 1 Taça e 1 Supertaça do Qatar, 1 Copa do Emir Qatari e 1 Copa do Sheik)

Ulissisbom – Lisboa-Portugal

Os gregos foram como os romanos, viajantes pelo mundo afora de épocas milenares, evidentemente antes do Império Romano, os gregos se aprofundaram em viagens pelo Mar Adriático, Mar Mediterrâneo

Após isenção de vistos, procura pelo Brasil segue em alta para 2020

A isenção de vistos para países estratégicos segue trazendo ótimos resultados para o Brasil. De acordo com levantamento inédito do grupo Amadeus, uma das maiores empresas de tecnologia e viagens do mundo, os números de reservas confirmadas para o período de janeiro a setembro 2020 por turistas do Canadá, da Austrália, do Japão e dos Estados Unidos

Município do Rio registra mais de 37 mil casos de chikungunya em 2019

O município do Rio de Janeiro já registrou 37.973 casos de chikungunya de janeiro a dezembro de 2019. O número representa um aumento de 297,8% em relação ao mesmo período de 2018, quando foram notificados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) 9.545 casos da doença.

Brasileiro Zé do Pedal cruza África em busca de acessibilidade

Caminhando de 35 a 60 quilômetros por dia, para cobrir uma distância de 13 mil quilômetros, desde Jagersrust –Kwazulu Natal, no Sul da África, a Alexandria, no Egito (Norte da África), o ativista social José Geraldo de Souza Castro, 62 anos, membro do Lions Club de Viçosa de Minas Gerais

A primeira casa de fado do Rio Grande do Sul abriu suas portas

O Alma Lusitana, grupo residente da casa, dividiu o palco com a fadista portuguesa Salomé Ferreira. A Maria Lisboa está localizada na Rua Olavo Bilac, 198, endereço que tradicionalmente recebe as edições do “Fado na Cidade Baixa” uma vez por mês, nas tardes de domingo.

Árvores queimadas e “doentes” transformadas em esculturas de Natal no Algarve

Árvores ardidas ou “doentes” da serra de Monchique, no Algarve, ganham vida durante a quadra de Natal nas mãos do escultor Nelson Ramos, ao transformar com motosserras os troncos em figuras do presépio.As peças de grandes dimensões dos três Reis Magos estão a ser esculpidas ao vivo em pleno Largo dos Chorões, no centro da vila, local onde vai ficar instalado o presépio.

Procura por árvores de Natal naturais cresce cerca de 15%

Com uma produção este ano de 700 mil unidades de tuias – 450 mil da variedade holandesa e 250 mil da Strickta, a equipe da Fazenda Terra Viva, de Holambra no interior de São Paulo, acredita que o crescimento das vendas em 2019 deve ser de 10% a 15% em relação ao ano passado.

Send this to a friend