As comemorações dos 500 anos de Camões em várias entidades da Baixada Santista

Por Prof. Luiz Paulo

Os diversos eventos e festejos ocorridos na Região da Baixada Santista em celebração ao Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas teve um toque épico neste ano de 2024 em decorrência do aniversário de 500 anos de nascimento de Luís Vaz de Camões.

Os três Elos Clubes da região, Santos, São Vicente e Praia Grande promoveram eventos celebrando o 10 de junho. Em Praia Grande, a revitalização de uma praça, com um novo marco, alusivo ao V Centenário de Camões marcou a data. Em São Vicente, um ato cívico, junto ao Monumento à Camões foi realizado. Em Santos, um coroa de flores foi depositada junto ao busto de Camões que guarda o hall de entrada do Centro Cultural Português.

A Associação Luso-brasileira de Cubatão (ALUBRAC) realizou linda homenagem ao maior escritor da Língua Portuguesa, com ato cívico e deposição de flores junto à estátua do poeta, com a presença de autoridades locais.

O Centro Cultural Português realizou uma linda cerimônia no seu Salão Camoniano, para conceder uma comenda às entidades da comunidade luso-brasileira que contribuíram e contribuem para a defesa, promoção e desenvolvimento da cultura e da Comunidade Portuguesa. Receberam o Diploma e a Medalha Mérito Comunitário “Luís Vaz de Camões” a Sociedade Portuguesa de Beneficência, o Clube de Regatas Vasco da Gama, a Associação Atlética Portuguesa, a Escola Portuguesa de Santos, a Casa da Madeira de Santos, os Elos Clubes de Santos, São Vicente e Praia Grande, o Rancho Folclórico Típico Madeirense, a Casa de Portugal de Praia Grande, a Associação Luso-brasileira de Cubatão e a Record TV – Litoral e Vale, pelo apoio à Comunidade Portuguesa e a iniciativa do Portal TV Portuguesa.

O ponto alto destas celebrações ocorreu nos dois dias da Festa de Portugal, evento onde a pujança da Comunidade Portuguesa da Baixada Santista pode ser comprovado.

Santos é comumente apontada como “A cidade mais portuguesa do Brasil”, seja pela sua enorme colônia, seja por abrigar diversas instituições luso-brasileiras, por ter 7 cidades irmãs em Portugal, até pela curiosidade de seu atual prefeito ter cidadania portuguesa.

Assim, o 10 de junho, que normalmente é muito celebrado na Baixada Santista, ganhou um brilho especial com o 5° Centenário de Camões.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: