Morre um dos ícones da literatura de Cabo Verde

O caboverdiano Henrique Teixeira de Sousa, médico e escritor, faleceu em 03 de março aos 87 anos em Portugal. O Ministro da Cultura do arquipélago, Manuel Veiga, se referiu a Teixeira de Sousa como um dos expoentes da literatura de Cabo Verde e um escritor zeloso pelos valores da sua terra natal e “das marcas matriciais do viver cabo-verdiano”.

Vítima de atropelamento, quando fazia sua caminhada matinal em Alges, no ‘concelho’ de Oeiras, Sousa não resistiu aos ferimentos. Nascido na ilha do Fogo, o escritor saiu de Cabo Verde e passou a residir em Portugal em 1974.

O ministro da Cultura recorda das suas obras dizendo que “aspectos, momentos e personagens ficarão para sempre inscritas na memória coletiva dos cabo-verdianos e que, por isso, já são preciosos patrimônios culturais a preservar e valorizar”. Algumas de suas obras são “Contra mar e vento”, “Ilhéu de Contenda”, “Na Ribeira de Deus”, “Entre duas bandeiras”, “Oh! Mar das Túrbidas Vagas”, esta como sua última obra lançada nas comemorações dos 30 anos de independência de Cabo Verde. Inforpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend