Moçambique e petrolífera assinam acordo para formação de empresários

Da Redação
Com Lusa

O Instituto para a Promoção de Pequenas e Médias Empresas (Ipeme) de Moçambique e a petrolífera Anadarko assinaram um memorando para formação de empresários, anunciaram as duas instituições em comunicado.

O documento prevê que a líder do consórcio que vai explorar gás natural na Área 1, ao largo do Norte de Moçambique, dinamize os Centros de Apoio e Orientação ao Empresário (COrE) de Maputo e Cabo Delgado para informação, formação e assistência a pequenas e médias empresas (PME’s) moçambicanas.

“O presente acordo prevê a formação de empresários moçambicanos para que depois com suas ferramentas possam aceder às oportunidades que possam advir através da implementação do projeto de gás natural da Anadarko”, referiu o ministro da Indústria e Comércio, Ragendra de Sousa.

Steve Wilson, vice-presidente e diretor-geral da Anadarko em Moçambique, apontou o acordo como “a continuação do trabalho conjunto com o Governo de Moçambique desenvolver as empresas moçambicanas de modo a aumentar a sua capacidade e competitividade para aceder às oportunidades”.

“O desenvolvimento de fornecedores locais é estratégico para nós, pois permite-nos contribuir para o desenvolvimento sustentável de Moçambique e, ao mesmo tempo, trazer benefícios para os nossos acionistas”, concluiu

A Anadarko espera investir cerca de 2.500 milhões de dólares (2.220 milhões de euros) em empresas de propriedade moçambicana ou registadas em Moçambique ao longo dos cinco anos do período de construção da fábrica de liquefação de gás da Península de Afungi, cujos trabalhos devem arrancar ainda este ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend