Zoo de Lisboa recolhe fundos para ajudar coalas afetados por fogos na Austrália

Da redação
Com Lusa

O Jardim Zoológico de Lisboa vai lançar uma campanha de angariação de fundos para ajudar os animais da Austrália afetados pelos incêndios dos últimos meses.

Até março, os visitantes poderão contribuir colocando dinheiro em vários mealheiros que estarão espalhados pelo parque. Para recuperar a fauna e flora, o Zoológico de Lisboa vai também contribuir com uma parte do dinheiro do seu fundo de conservação, alimentado com as receitas da bilheteira.

O jardim zoológico lisboeta colabora desde 1991 num projeto de conservação de coalas no parque nacional australiano de Blue Mountains, no estado de Nova Gales do Sul, em parceria com a Sociedade Zoológica de San Diego, dos Estados Unidos.

“As projeções são alarmantes e indicam um elevado número de animais mortos e feridos”, afirma em comunicado o Zoo de Lisboa, que recebe relatórios sobre a evolução dos animais através de dois biólogos de San Diego que estão no terreno.

Em Blue Mountains, uma área classificada como patrimônio mundial, equipes de batedores foram enviados para a frente dos incêndios para procurar os coalas que têm instalados transmissores para os salvar e levar para um hospital veterinário em Sydney.

Ações destas requerem dinheiro, tal como a monitorização dos animais quando puderem regressar ao seu habitat natural, afirma o Jardim Zoológico, que pede assim aos visitantes para ajudarem.

Estima-se que o número de animais vítimas dos incêndios que assolam a Austrália, desde setembro, já ascendem a cerca de 480 milhões, entre mamíferos, aves e repteis.

Para especialistas, os incêndios florestais das últimas semanas na Austrália são uma “catástrofe ecológica” que demorará décadas para ser superada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend