Os festejos dos 270 Anos da Presença Açoriana em Santa Catarina

Eventos conta com presença do diretor regional das Comunidades do Governo dos Açores.

Mundo Lusíada
Com agencias

Uma programação vai marcar os 270 Anos da Presença Açoriana em Santa Catarina, e de um pedacinho de Portugal no Brasil.

Foi em 1748 que os portugueses do arquipélago aportaram e se instalaram no lugar que virou uma extensão da pátria que deixaram fisicamente.

As tradições açorianas foram aos poucos sendo inseridas na nova casa, agregadas à rotina da gente brasileira, transformando para sempre a cultura e a história da ilha de Florianópolis.

A Capital de Santa Catarina vai comemorar a presença dos Açores com uma programação especial. Nesta quinta-feira, às 16h, ocorre na Câmara Municipal de Florianópolis uma Sessão Solene em homenagem à data, para abrir as comemorações.

O descerramento de uma placa na Rua dos Ilhéus, alusiva aos 270 anos do desembarque dos primeiros Açorianos em Santa Catarina, com a presença do diretor regional das Comunidades do Governo dos Açores, Paulo Teves, que estará no Brasil até sábado.

Após a solenidade na Câmara, será realizado um cortejo pelas ruas do centro com as 14 comunidades que promovem a Festa do Divino. O desfile contará também com a presença de rendeiras, ceramistas e do grupo de danças folclóricas. Participam o Grupo Folclórico da Casa dos Açores de Santa Catarina, casais festeiros do Espírito Santo, de rendeiras e da Banda Filarmônica da Polícia Militar de Santa Catarina.

Às 19h, acontece a abertura da Exposição Açores: Certificado pela Natureza. A mostra no piso superior do Mercado Público é uma viagem aos Açores, destino europeu no meio do Oceano Atlântico, reconhecido internacionalmente como um conjunto de nove ilhas vulcânicas de natureza exuberante e beleza mística que oferece aos visitantes uma variedade de atividades em terra e mar. A exposição é gratuita e segue até 09 de março.

No dia seguinte, o diretor regional das Comunidades participa na conferência “Açores e Diáspora”, no âmbito da reunião do Conselho Deliberativo do Núcleo de Estudos Açorianos da Universidade Federal de Santa Catarina, e no lançamento do livro “Penha – Relicário do Divino”, de Maria do Carmo Ramos Krieger. O diretor do governo açoriano ainda estará com a direção e sócios da Casa dos Açores de Santa Catarina.

A prefeitura divulgou também a Conferência “Experiência de um genealogista através das famílias do antigo Império Português” e a Oficina “Fazer genealogias hoje em Portugal” com o historiador e genealogista açoriano Jorge Forjaz.

Os eventos ocorrem no dia 24 de fevereiro a partir das 14h na Casa de Encontros Provincialado do Coração de Jesus, Auditório Padre Eduardo Michelis, localizada na Rua Hermann Blumenau, 122, no Centro de Florianópolis. Os interessados podem se inscrever pelo email [email protected]

A comemoração dos 270 Anos da presença Açoriana em Santa Catarina (1748 – 2018) é uma realização da Prefeitura Municipal de Florianópolis, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Juventude e da Fundação Franklin Cascaes, em parceria com a Direção Regional das Comunidades do Governo dos Açores, a Casa dos Açores de Santa Catarina, Instituto de Genealogia de Santa Catarina – INGESC, Núcleo de Estudos Açorianos, Funcine e Câmara Municipal de Florianópolis.

Em 26 de outubro do ano passado, 2018 foi declarado como “Ano dos Açores em Florianópolis”, reconhecendo-se o contributo da presença açoriana e do seu legado cultural para o desenvolvimento da cidade e do Estado de Santa Catarina.

Esta designação surgiu no âmbito das comemorações do 270.º aniversário da chegada dos primeiros Açorianos a Santa Catarina, a 6 de janeiro de 1748, mas só a 22 de fevereiro é que estes 461 açorianos que atravessaram o Atlântico pisaram o solo catarinense, segundo divulgou o Governo regional.

Confira a programação prevista:

DIA 22 DE FEVEREIRO, QUINTA-FEIRA

16H00 – Sessão oficial de abertura do Ano dos Açores em Florianópolis: comemorativo dos 270 anos de presença açoriana em Santa Catarina.

Local: Câmara de Vereadores deFlorianópolis, Rua Anita Garibaldi, nº 35. Centro, em Florianópolis.

17H30 – Descerramento da Placa alusiva aos 270 anos do desembarquedos primeiros 461 açorianos em Santa Catarina no dia 22 de fevereiro de1748.

Local: Rua dos Ilhéus, esquina com Rua Anita Garibaldi, Centro, em Florianópolis.

17H45 – Cortejo pelas ruas do centro até o Mercado Público.

Local: Florianópolis

18H00 – Abertura da exposição de Turismo dos Açores.

Local: Galeria de Arte do Mercado Público Municipal de Florianópolis, Rua Deodoro S/Nº, esquina com Rua Francisco Tolentino (Arco Superior Sul do Mercado Público), Centro, em Florianópolis.

DIA 23 DE FEVEREIRO, SEXTA-FEIRA

14H00 – Conferência “Acores e Diáspora”, pelo Diretor Regional das Comunidades, do Governo dos Açores, Paulo Teves.

Local: Palácio das Artes, Avenida Francisco Severiano dos Santos, 137, Bairro Vila Nova, Porto Belo, em Florianópolis.

19h30 – Lançamento do livro “Penha – Relicário do Divino”, de Maria do Carmo Ramos Krieger.

Local: Restaurante Pirão D’Agua, Av. São João, 854, Praia de Armação do Itapocorói, Penha, em Santa Catarina

DIA 24 DE FEVEREIRO, SÁBADO

14H00 – Conferência:Experiência de um genealogista através das famílias do antigo Império Português, pelo Dr. Jorge Forjaz.

Local: Provincialado da Sociedade da Divina Providência. Rua Hermann Blumenau, 102, Centro, em Florianópolis.

16H00 – Oficina: fazer genealogias hoje em Portugal com o Dr. Jorge Forjaz (mesmo local).

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend