Secretário brasileiro da Cultura termina visita oficial no Porto

Mundo Lusíada

No quarto dia de reuniões em Portugal, com objetivo de estreitar laços e debater projetos bilaterais, o secretário Especial da Cultura do Ministério da Cidadania do Brasil, Henrique Pires, esteve no Porto para um encontro com Ana Pinho, presidente da Fundação Serralves, um dos principais espaços de exposição de arte contemporânea da Europa.

Com projeto do arquiteto português Álvaro Siza Vieira, o prédio da Fundação Serralves é envolvido por um parque com esculturas e instalações artísticas de grandes dimensões, feitas por nomes consagrados no cenário da arte mundial.

Em outro prédio, no mesmo parque, em um raro palácio Art Déco da década de 1940 transformado em galeria, Pires prestigiou a exposição “Joan Miró e a morte da pintura”, aberta ao público até 3 de março. Mais cedo, o secretário foi recebido pelo cônsul-geral do Brasil no Porto, Valter Pecly Moreira.

Nesta sexta-feira, no último dia de atividades em Portugal, Henrique Pires se reuniu com diretores de festivais portugueses de teatro e de dança.

Também foi recebido pela presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Luísa Salgueiro, e pelo presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira. Além de reunião com os dirigentes da Casa da Arquitetura, que apresenta a exposição “Infinito Vão”, sobre os 90 anos da arquitetura brasileira.

Na agenda também esteve a Conferência “Lúcio Costa e a construção de um Patrimônio Nacional”, e o lançamento dos anais do 5º Fórum Internacional do Patrimônio Arquitetônico Brasil/Portugal, ambos no Espaço Tanoaria da Casa da Arquitetura, em Matosinhos.

Festivais no Porto

O grande “Foco Brasil” na próxima edição dos festivais DDD e FITEI esteve entre os principais temas da visita que o Secretário da Cultura brasileiro fez ao Porto.

O Teatro Municipal do Porto – Rivoli, em abril e maio, será o ponto central dos festivais DDD – Dias da Dança e FITEI – Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica, os quais trarão à cidade uma inédita delegação de 17 companhias brasileiras de dança e teatro.

Além disso, acompanhado pelo Cônsul-Geral Adjunto, Conselheiro Paulo de Tarso de Moraes Jardim, e pela Vice-Cônsul e encarregada do setor da Cultura, Lígia Verdi, o governante foi recebido pelo presidente da Câmara, Rui Moreira, na Sala D. Maria dos Paços do Concelho, onde aproveitou para admirar o retrato de D. Pedro IV de Portugal e I do Brasil, segundo a autarquia.

Ainda, uma institucional troca de presentes e assinatura do Livro de Honra foi seguida por um passeio pela cidade com ambos governantes, pela Avenida dos Aliados, a Estação de São Bento e a Rua das Flores, entre os vários locais emblemáticos do Porto. O encontro terminou com um almoço oficial na Casa do Roseiral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend