Madeira: Carnaval em meio ao Oceano Atlântico

Da Redação

Os brasileiros entendem bem de folia, mas isso não significa que o Carnaval não possa ser incrível em outras partes do mundo. A ilha da Madeira já preparou a sua festa.

Um dos principais cartazes turísticos do arquipélago português, a época carnavalesca enche a capital, Funchal, de brilho, alegria, fantasia, música e cores. Este ano, a magia está nas ruas desde dia 26 de fevereiro e até 10 de março, quando a parte baixa da cidade se enche de música, espetáculos e atuações diversas.

A sexta-feira que antecede a folia, 1º de março, já começou com canções de Carnaval. Neste dia, a programação incluiu o Carnaval das Crianças, em que cerca de mil pequenos foliões desfilam fantasiados pelo centro da cidade, com máscaras confeccionadas por eles mesmos.

No dia seguinte, sábado, é a vez do colorido e animado cortejo alegórico levar milhares de turistas e madeirenses ao centro de Funchal. Principal atração do Carnaval da Madeira, conta com desfile das diversas trupes e carros alegóricos ao som de músicas vibrantes, com alegria e o ritmo das coreografias ensaiadas o ano todo.

Já o tradicional Cortejo Trapalhão, que começou como um cortejo espontâneo, entra em cena na terça-feira, 5 de março. Lembra muito os blocos de Carnaval de rua brasileiros, pois todos podem participar, de preferência abusando da criatividade na hora de criar as fantasias. O resultado é uma reunião de foliões irreverentes vindos de toda a ilha e turistas do mundo todo em um clima de muita diversão.

Considerado o melhor destino insular do mundo, a Ilha da Madeira é um pequeno paraíso português situado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua localização privilegiada proporciona clima ameno e mar com temperatura agradável o ano inteiro, além de impressionantes cenários de montanhas, vales e penhascos, todos cobertos pela exuberante vegetação Laurissilva, nomeada Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. O arquipélago é formado por um conjunto de ilhas, sendo as principais e únicas habitadas Madeira e Porto Santo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend