Grupo luso quer Caracas como ponte para turismo sul-americano

Da Agencia Lusa

A Intervisa, Viagens e Turismo S.A., uma empresa do Grupo Pestana, planeja usar o recém inaugurado Hotel Pestana Caracas como “trampolim” para promover vários destinos da América do Sul, revelou à Agência Lusa fonte da empresa.

Segundo Jorge Abrantes, o Pestana Caracas “servirá de trampolim para que os portugueses possam ir a lugares como Los Roques (ilhas venezuelanas), as ilhas ABC, o Peru e todos aqueles destinos da América do Sul que possam ter como ponto de entrada Caracas”.

Jorge Abrantes falava à Agência Lusa durante um encontro com 20 agentes de viagens venezuelanos que iniciaram uma viagem de uma semana a Portugal, onde vão conhecer Lisboa e as ilhas da Madeira e Porto Santo.

Explicou ainda que “o [turista] português não tem idéia ainda do que é a Venezuela e das potencialidades que tem em termos de belezas naturais (…) Podemos dar uma contribuição criando pacotes, mas seria importante que as autoridades locais promovessem também esses destinos”.

Em relação ao uso de Lisboa como destino turístico, disse que “há muita gente das novas gerações de luso-descendentes que tem já pouca afinidade com Portugal e que quando o visitam têm necessidade de ficar alojados porque as casas de família já não existem e querem conhecer o sítio dos seus antepassados”.

“Precisam de pacotes de alojamentos e meios de locomoção”, enfatizou, para logo precisar que além da Intervisa apostar no tráfego turístico e na saudade, tem “essa valência, dentro do grupo, de criar pacotes para a Venezuela”, mais precisamente para a capital venezuelana, onde em maio foi inaugurado o Pestana Caracas.

Quanto ao trabalho desenvolvido pelos agentes de viagens venezuelanos que foram conhecer Portugal, explicou que em março último a Intervisa e a TAP organizaram o primeiro FAM-Trip que já tem dado resultados práticos.

“Acima de tudo, Portugal é um destino econômico, comparado com as grandes capitais da Europa. Lisboa tem uma hotelaria com preços bastante acessíveis, o nível de vida até comparando os destinos europeus é bastante acessível e, sobretudo, tem um clima bastante invejável. Tudo isto é uma mais valia com que podemos contar, além da gastronomia e história que é única”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend