Presidente brasileiro anuncia exoneração e novo ministro da Educação

Da Redação
Com EBC

O presidente Jair Bolsonaro exonerou nesta segunda-feira, dia 8, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, e anunciou o professor Abraham Weintraub para o cargo.

“Abraham possui mestrado em Administração na área de Finanças pela FGV e MBA Executivo Internacional pelo OneMBA, com título reconhecido pelas escolas: FGV/Brasil, RSM/Holanda, UNC/Estados Unidos, CUHK/China e EGADE-ITESM/México. Tem ampla experiência em gestão e o conhecimento necessário para a pasta”, escreveu Bolsonaro em sua conta no Twitter.

Professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Weintraub foi executivo do mercado financeiro, atuou no grupo Votorantim e foi membro do comitê de Trading da BM&FBovespa. Em 2016, coordenou a apresentação de uma proposta alternativa de reforma da previdência social formulada pelos professores da Unifesp. Weintraub atua como secretário executivo da Casa Civil, sob o comando de Onyx Lorenzoni. Ele assumirá o lugar do colombiano Ricardo Vélez.

“Aproveito para agradecer ao Prof. Velez pelos serviços prestados”, acrescentou o presidente.


A gestão de Velez ficou marcada por controvérsias e demissões em séries, após decisões tomadas na pasta em que diretores se diziam não terem sido consultados sobre as medidas anunciadas.

O colombiano Ricardo Vélez Rodríguez, anunciado em novembro para o cargo de ministro da Educação, é autor de mais de 30 obras, professor emérito da Escola de Comando e Estado Maior do Exército, e fez doutoramento no Rio de Janeiro em Pensamento Luso-Brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend