ONU e Justiça brasileira reforçam parceria contra crime e drogas

Da Redação

A Organização das Nações Unidas (ONU) vai fortalecer a aliança com o governo brasileiro para manter uma série de projetos e acordos institucionais contra crimes como lavagem de dinheiro e tráfico de drogas e de pessoas.

Em reunião com o ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro, realizada dia 7, o representante regional do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODOC) para o Brasil e Cone Sul, Rafael Antonio Frazini Batlle, ressaltou a intenção de intensificar a cooperação.

Nesse sentido, Battle apresentou projetos nas áreas de tráfico de pessoas, lavagem de dinheiro, estatísticas em segurança pública, uso do esporte na prevenção do crime, além de um programa de controle de contêineres em portos nacionais.

Disposto a estreitar a parceria com o organismo de governança internacional, Moro solicitou o levantamento detalhado e imediato de atividades que podem ser desenvolvidas pelo Escritório das Nações Unidas conjuntamente com o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), trabalho que envolverá articulação e apoio da Assessoria Internacional da pasta.

Entre os programas prioritários tratados no encontro está o GLO.ACT (Ação Global para Prevenir e Combater o Tráfico de Pessoas e o Contrabando de Migrantes (2015/2019).

Também o Programa “Vamos Nessa”, que é financiado pelo governo do Qatar e visa à promoção do esporte para prevenir o crime e aumentar a resiliência dos jovens vivendo em situação de risco; e o Memorando de Entendimento assinado em 2018 para criação do Centro Internacional para a Segurança Pública (CISP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend