Eleições: Eduardo Paes ganha no RJ e Kassab vence em São Paulo

Da Redação Com Agência Brasil

Wilson Dias/Abr

Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

NO RIO DE JANEIRO >> O governador Sérgio Cabral e o prefeito eleito, Eduardo Paes, participam do Grande Baile da 3ª Idade, no ginásio do Maracanãzinho. EM SÃO PAULO >> Reeleito, prefeito Gilberto Kassab discursa no comitê de campanha ao lado de José Serra.

Numa disputa apertada, o ex-deputado federal Eduardo Paes (PMDB) conquistou a prefeitura do Rio de Janeiro. Com 98,8% das urnas apuradas, Paes ficou matematicamente eleito com 50,75% dos votos válidos, contra 49,25% do concorrente, o deputado federal Fernando Gabeira (PV). A diferença foi de 49,7 mil votos num universo de 4,5 milhões de eleitores.

Eleito deputado federal em 2002, pelo PFL do Rio de Janeiro, Paes filiou-se ao PSDB no ano seguinte. Em 2005, ele teve forte posição quanto às denúncias de corrupção no governo Lula no caso do mensalão, com atuação de destaque na CPI dos Correios.

Formado em Direito, em outubro do ano passado ele mudou de partido mais uma vez e foi para o PMDB, no qual ganhou apoio do governador Sérgio Cabral, de quem foi secretário, para concorrer à prefeitura da capital fluminense.

O trabalho de Eduardo Paes não será fácil. A cidade do Rio de Janeiro está numa situação grave. O município deve R$ 7,9 bilhões para instituições externas e para a União. Eduardo Paes receberá uma cidade com problemas acumulados ao longo do tempo nas áreas de educação, transporte e saúde, além de 750 favelas, quase a metade delas dominada pelo narcotráfico e pelas milícias.

A crise financeira internacional, por sua vez, poderá influir na arrecadação da prefeitura e atrasar megaprojetos em áreas importantes, como saúde e transporte. Para administrar uma cidade com uma população de 6,1 milhões de habitantes, o município conta com um orçamento aprovado de R$ 10,2 bilhões para 2009.

Kassab com ampla vantagem em São Paulo O prefeito Gilberto Kassab (DEM), eleito para mais quatro anos de mandato em São Paulo, mantinha uma ampla vantagem sobre sua adversária do PT, Marta Suplicy, em todas as zonas eleitorais. Com 92,14% dos votos apurados, Kassab recebia o maior número de votos nas zonas eleitorais do centro da cidade onde registrava 67,46% contra 32,54% dados a Marta Suplicy.

De resto, já estão definidos os prefeitos dos cinco maiores colégios eleitorais do país. Além de Gilberto Kassab em São Paulo e Eduardo Paes no Rio, os resultados apurados indicam como vencedores Márcio Lacerda (PSB) em Belo Horizonte, João Henrique (PMDB) em Salvador e José Fogaça (PMDB) em Porto Alegre.

Já estão definidos os prefeitos dos cinco maiores colégios eleitorais do país, nesta ordem: em São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), que derrotou Marta Suplicy (PT); no Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), que venceu Fernando Gabeira (PV); em Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB), que derrotou Leonardo Quintão (PMDB); em Salvador, João Henrique (PMDB) que venceu Walter Pinheiro (PT) e em Porto Alegre, José Fogaça (PMDB), que levou a melhor contra Maria do Rosário (PT).

Os vencedores Em Anápolis (GO), Antonio Gomide (PT) derrotou Onaide Santillo (PMDB). Em Bauru (SP), Rodrigo Agostinho (PMDB) vence a disputa contra Caio Coube (PSDB). Em Belém (PA), Duciomar Costa (PTB) venceu Priante Junior (PMDB). Em Campina Grande (PB), Veneziano Neto (PMDB) venceu Rômulo Gouveia (PSDB). Em Campos (RJ), Rosinha Garotinho (PMDB) é a nova prefeita. Ela venceu Arnaldo Vianna (PDT). Em Canoas (RS), Jairo Jorge (PT) venceu Jurandir Maciel (PTB). Em Contagem (MG), a vitória foi de Marília Campos (PT) contra Ademir Lucas (PSDB). Em Cuiabá (MT), o novo prefeito é Wilson Santos (PSDB), que derrotou Mauro Mendes (PR). Em Florianópolis (SC), Dário Berger (PMDB) derrotou Espiridião Amin (PP). Em Guarulhos (SP), o novo prefeito é Sebastião Almeida (PT), que derrotou Carlos Roberto (PSDB). Em Joinville (SC), Carlito Merss (PT) venceu Darci de Matos (DEM). Em Juiz de Fora (MG), Custório Mattos (PMDB) é o novo prefeito. Ele derrotou Margarida Salomão (PT). Em Londrina, o ex-prefeito Antônio Belinati (PP) foi eleito novamente, derrotando o deputado federal Luiz Carlos Hauly (PSDB). Em Macapá, Roberto Góes (PDT) venceu Camilo Capiberibe (PSB). Em Manaus (AM), Amazonino Mendes (PTB) venceu Serafim Corrêa (PSB). Em Mauá (SP), o eleito é Oswaldo Dias (PT), que venceu a disputa contra Francisco Carneiro (PSB). Em Montes Claros (MG), o eleito é Tadeu Leite (PMDB), que venceu Athos Avelino (PPS). Em Pelotas (RS), Fetter Junior (PP) venceu contra Fernando Marroni (PT). Em Petrópolis (RJ), novo prefeito é Paulo Mustrangi (PT), que obteve vitória sobre Ronaldo Medeiros (PSB). Em Ponta Grossa (PR), Pedro Wosgrau Filho (PSDB) venceu Sandro Alex (PPS). Em Santo André, o eleito é Aidan Ravin (PT), que venceu Vanderlei Siraque (PT). Em São Bernardo (SP), Luiz Marinho (PT) venceu Orlando Morando (PSDB). Em São José do Rio Preto (SP), prefeito eleito é Valdomiro Lopes (PSB). Em São Luís (MA), João Castelo (PSDB) é o novo prefeito, vencendo Flávio Dino (PCdoB). Em Vila Velha (ES), Neucimar Fraga (PR) venceu Hércules Silveira (PMDB).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend