Portuguesa volta à série A, neste domingo

Portuguesa de Desportos

Depois de cinco anos, a Portuguesa enfrenta o Figueirense, neste domingo, às 18h10, no Canindé, na sua volta a primeira divisão do Campeonato Brasileiro.

Para este primeiro desafio, o técnico Vagner Benazzi fez uma preparação intensiva durante a semana. O meia Edno, recém contratado do Noroeste, deve entrar no time para fazer dupla de meio campo com Preto. Com isso, Benazzi teve que adequar o sistema de marcação e ainda não anuncia que completa o setor. Dias, Carlos Alberto e Erick brigam pelas duas vagas. O restante da equipe deve ter a base do Campeonato Paulista. O time está concentrado desde quinta-feira para manter foco total na partida.

Confira alguns números da Lusa na primeira divisão do Campeonato Brasileiro:

• Total de jogos: 635 • Vitórias: 221 • Empates: 196 • Derrotas: 218 • Gols Marcados: 763 • Gols Contra: 734 • Total de Pontos: 742 • Aproveitamento: 39%

Melhor Campanha: Brasileiro 1996 – Colocação: vice-campeã • Campanha: 29 jogos; 14 vitórias, 4 empates e 11 derrotas; 40 gols pró e 34 gols contra

Pior Campanha: Brasileiro 1999- Colocação: 21o (penúltimo; o time luso só não caiu porque o rebaixamento foi feito através da média das campanhas de 99 e 98, ano em que a Lusa ficou em terceiro lugar)

Campanha: 21 jogos; 4 vitórias, 6 empates e 11 derrotas; 27 gols pró e 31 gols contra • Última Campanha: Brasileiro 2002 – Colocação: 23o (rebaixada) • Campanha: 25 jogos; 7 vitórias, 6 empates e 12 derrotas; 26 gols pró e 40 gols contra

Maiores goleadas aplicadas: São Paulo 2×7 Portuguesa – Pacaembu – Brasileiro 98 (20/09/1998)

Maior série invicta: 14 jogos em 1997 (técnico Edinho) • Atleta que mais atuou: Capitão (1988-97), em 173 jogos • Goleiro mais tempo invicto: Paulo César (94) – 538 minutos • Maior artilheiro na história: Enéas (1971-80) – 46 gols • Maior artilheiro em uma mesma edição: Rodrigo Fabri (1997) – 16 gols • Técnico que mais treinou: Oto Glória (1973-76) e Candinho (1984/01) – 95 jogos • Técnico com melhor aproveitamento: Urubatão (1978) com 64,1% • Maior público como mandante: 43.646 – Portuguesa 2×0 Vasco – Pacaembu (01/05/1984) • Maior público no Canindé: 25.312 – Portuguesa 0x1 Cruzeiro – (09/12/1998)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend