Nicolas Maduro transfere gabinete de petrolífera de Lisboa para Moscou

Da redação
Com Lusa

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ordenou a transferência do gabinete europeu da petrolífera estatal Pvdsa de Lisboa para Moscou, para garantir a segurança dos ativos do país, anunciou a vice-presidente venezuelana, Delcy Rodriguez.

“A Europa não garante o respeito pelos nossos ativos”, disse Delcy Rodriguez durante uma conferência de imprensa em Moscou, na qual estava presente o chefe da diplomacia russo, Sergei Lavrov.

A vice-presidente acrescentou que os países capitalistas violaram as “suas próprias leis ao congelarem os bens da Venezuela que se encontravam em bancos ocidentais”, considerando “roubo à mão armada” o que está a acontecer aos recursos financeiros da Venezuela.

Os Estados Unidos já aplicaram várias sanções econômicas contra altos cargos do Governo de Nicolás Maduro e à empresa estatal Pdvsa, principal fonte de lucros em virtude da exportação de petróleo.

Washington já ameaçou também aplicar novas medidas contra países que estabeleçam negócios relacionados com a transação de ouro e petróleo da Venezuela.

Ao contrário, a Rússia rejeita “categoricamente” medidas de pressão através de sanções contra o Governo de Caracas e apela ao diálogo como única forma de solucionar a grave crise política em que se encontra a Venezuela.

A crise política na Venezuela agravou-se em 23 de janeiro, quando o líder da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, se autoproclamou Presidente da República interino e declarou que assumia os poderes executivos do chefe de Estado, Nicolás Maduro.

Portugal já foi notificado pela Assembleia Nacional venezuelana sobre a intenção de alterar o seu embaixador e analisa o pedido do ponto de vista jurídico, não havendo prazos para tomar decisões, segundo o ministro dos Negócios Estrangeiros.

Neste dia 28, Guaidó esteve em Basília para diversas reuniões, entre elas com o presidente brasileiro Jair Bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend