Empresa brasileira investe 2,2 ME em fábrica de lentes intraoculares em Portugal

Da Redação
Com Lusa

Uma empresa brasileira de produção de lentes intraoculares vai criar uma fábrica em Portalegre, no Alto Alentejo, num investimento de 2,2 milhões de euros, segundo o vereador do município João Nuno Cardoso.

De acordo com o autarca, a fábrica vai surgir na sequência de uma apresentação feita pelo município, “há um ano e meio”, no Rio de janeiro (Brasil), sobre as condições que a zona do Alto Alentejo “oferece” aos empresários para poderem investir.

“Já em tempos esta empresa esteve para fazer um investimento em Portalegre, mas caiu por terra. Desta vez já tem a candidatura aprovada pelo programa comunitário Portugal 2020”, disse.

João Nuno Cardoso previu que “dentro de um ano e meio” a fábrica estará em funcionamento na zona industrial da cidade.

Numa primeira fase, a empresa vai criar 15 postos de trabalho, mas o objetivo global é contratar 90 trabalhadores.

“A empresa quer, a pouco a pouco, alargar o projeto, com a criação de mais postos de trabalho”, acrescentou.

Na sequência da apresentação feita pelo município no Brasil, segundo o autarca, estão a ser também estabelecidos contatos com outros empresários interessados em investir no Alto Alentejo.

Por outro lado, referiu, na “Bioenergy and Business Incubator of Portalegre” (BioBip), sediada no Instituto Politécnico de Portalegre (IPP), já estão instaladas nove empresas, “fruto” dos contatos desenvolvidos com empresários estrangeiros.

“Só na BioBip há nove empresas e algumas delas com funcionários lá a trabalhar. Essas empresas têm candidaturas para, depois, se fixarem na zona industrial”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend