Na Fiesp, secretário de Portugal recomenda áreas de investimentos para brasileiros

“Acredito firmemente que vamos passar para outro nível de relacionamento comercial entre Portugal e Brasil”, afirmou o secretário.

Da Redação

Em palestra no dia 15 em São Paulo, o secretário de Estado de Internacionalização de Portugal, Eurico Jorge Nogueira Brilhante Dias, abordou as Oportunidades de Investimentos em Portugal, na Fiesp – Federação das Indústrias do Estado de SP.

Houve nos últimos anos, segundo Dias, enorme esforço e dedicação dos empresários portugueses, sem os quais não teria havido solução para a economia portuguesa.

Além de conquistar novos mercados, o investimento direto estrangeiro supera 62% do PIB, e as exportações mais de 43% do PIB. Segundo defendeu o secretário, o país é seguro legalmente, politicamente, na proteção cambial e de ativos.

Dias ainda citou a qualificação dos portugueses, um dos “patrimônios mais valiosos” do país, após forte investimento em educação. E incentivos financeiros e fiscais para fixação de investimentos em diversas áreas.

Entre as áreas em que recomendou aos brasileiros aprofundar a análise do investimento em Portugal, está o setor de Mineração, com importantes reservas de lítio (usado em baterias de carros elétricos); Química e petroquímica, Portugal é competitivo e tem ligação direta com o porto de Santos; Agricultura, com 250.000 hectares de novas áreas disponíveis para plantar produtos premium, com margens mais interessantes.

Ainda citou o setor de Logística; Turismo e imóveis, com um patrimônio histórico que o governo pensa em ceder para a iniciativa privada; e Startups, com ecossistema favorável a elas, com o Web Summit, importantes incubadoras e apoio financeiro para incubação e também para aceleração.

“Acredito firmemente que vamos passar outro nível de relacionamento comercial entre Portugal e Brasil”, afirmou o secretário. “Podemos fazer mais, e este é o momento para desenhar conjuntamente o novo futuro, que o acordo entre União Europeia e Mercosul pode propiciar.”

O evento também com o cônsul-geral de Portugal em São Paulo, Paulo Lourenço, e o diretor da Aicep, Fernando Carvalho, e a presença de mais de 200 empresários.

No mesmo dia, o secretário ainda teve um encontro empresarial no Grêmio Brasileiro de São Paulo, com vários empresários portugueses e luso-brasileiros, onde foi analisada a situação econômica brasileira e as suas oportunidades.

No dia 16 tiveram lugar encontros na Câmara Portuguesa de Comércio em São Paulo, para mais uma apresentação ao empresariado brasileiro das oportunidades de investimento em Portugal; e uma reunião com o Governador do Estado de São Paulo, Márcio França – que contou ainda com a presença da Investe São Paulo – onde foram abordadas algumas iniciativas para estreitar laços entre Portugal e o Estado paulista.

Já no dia 10, as políticas públicas e medidas de apoio ao ecossistema empreendedor em Portugal foi tema da Ana Teresa Lehmann, secretária de Estado da Indústria do país, em palestra na Fiesp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend