Português Eduardo Souto Moura participa de simpósio sobre arquitetura em SP

Da Redação

ArquitetoEduardoSoutoMouraO arquiteto português Eduardo Souto de Moura apresenta a palestra “Souto de Mora, Um Depoimento Português” durante simpósio em São Paulo. O evento acontece dia 17 de março, a partir das 18 horas, no Instituto Tomie Ohtake, com o apoio do Consulado Geral de Portugal em São Paulo.

Considerado um dos maiores arquitetos do mundo, Moura foi laureado em 2011 com o Prêmio Pritzker, a mais alta honra da arquitetura internacional. O autor de projetos reconhecidos mundialmente vai apresentar a produção contemporânea do seu trabalho, pautada pelo contexto português e sua vivência junto à Faculdade de Arquitetura do Porto.

No simpósio “Narrativas de uma Prática”, será discutido a trajetória do profissional português, focada principalmente em seus projetos atuais, visando contextualizá-los e problematizá-los no cenário arquitetônico internacional.

O objetivo do evento é debater as tendências da produção arquitetônica contemporânea. O encontro vai servir para fomentar reflexões e críticas acerca da prática da arquitetura no Brasil e sobre como as problemáticas urbanas atuais, com variáveis cada vez mais complexas – como demandas socioambientais, econômicas e programáticas, influenciam os projetos.

Além da palestra de Eduardo Souto de Moura, o debate conta ainda com “Arquitetura Contemporânea Brasileira: Diagnósticos e Desafios” que trará à mesa convidados para refletir o contexto em que se insere a prática arquitetônica atual no Brasil. Os profissionais tecerão considerações sobre as limitações, horizontes e tendências a que os projetos da jovem geração de arquitetos brasileiros vêm se direcionando.

Participam Abílio Guerra (Professor da FAU Mackenzie e editor da Romano Guerra Editora e do Portal Vitruvius), Carlos Teixeira (Fundador do escritório Vazio S/A Arquitetura e Urbanismo) e Shundi Iwamizu (Sócio do escritório SIAA e, atualmente, docente na Escola da Cidade).

Os debates serão mediados por Paulo Miyada (arquiteto e Mestre pela FAU-USP, curador-adjunto do 34º Panorama da Arte Brasileira e curador do Instituto Tomie Ohtake), e Priscyla Gomes (arquiteta e mestranda pela FAU-USP, membro do júri do Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel 2015 e 2016, integra o Núcleo de Curadoria do Instituto Tomie Ohtake).

Eduardo Souto de Moura é formado pela Escola Superior de Belas Artes do Porto. Foi professor-assistente do curso de arquitetura na Universidade do Porto e professor convidado da Faculdade de Arquitetura de ParisBelleville, nas Escolas de Arquitetura da Universidade de Harvard, e de Dublin, na Irlanda, bem como na ETH de Zurich e ainda na Escola de Arquitetura de Lausanne. Em 1995, foi condecorado Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique e, em 1999, Grande-Oficial da Ordem do Mérito. Recebeu os prêmios Pessoa (1998), Pritzker (2011), Secil (1992, 2004 e 2011) e Wolf de Artes (2013).

“É uma honra para nós receber em São Paulo o arquiteto Eduardo Souto de Moura para debater não apenas o estilo da arquitetura contemporânea portuguesa, como também a sua presença no cenário brasileiro e internacional. Tanto Brasil quanto Portugal já receberam por duas vezes aquele que é o maior prêmio mundial de arquitetura, arte que sempre fez parte do patrimônio e da cultura que os dois países partilham”, destaca Paulo Lourenço, cônsul geral de Portugal em São Paulo.

Paralelamente ao simpósio, o Instituto Tomie Ohtake recebe, entre os dias 17 e 20 de março de 2016, a exposição “12 SERIGRAFIAS DE [email protected]”, com curadoria de Manuel Graça Dias. A exposição apresentará serigrafias de doze importantes arquitetos portugueses, como Álvaro Siza Vieira, Alexandre Alves Costa, Eduardo Souto de Moura, João Luís Carrilho da Graça, Manuel Graça Dias, Luísa Penha, Fátima Fernandes, Egas José Vieira, Pedro Ravara, Alexandra Margaça, Pedro Bandeira, Pedro Machado Costa.

SERVIÇO
Palestra “Souto de Moura, Um Depoimento Português” (Simpósio “Narrativas de uma Prática”)
Local: Instituo Tomie Ohtake | Data: 17/03/2016 | Horário: 18h00
Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 (Entrada pela Rua Coropés, 88)
A 800 metros do Metrô Faria Lima (Linha Amarela)
Pinheiros – São Paulo/SP

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: