Petição lusa contra nova ortografia reúne 4 mil assinaturas

Da Agencia Lusa

O abaixo-assinado português na internet contra o acordo ortográfico, disponível desde a última sexta-feira, 02 de maio, já reuniu mais de 4 mil assinaturas, informou um dos organizadores da iniciativa.

Assinado por 19 personalidades portuguesas, o documento "pretende contribuir com um poderoso movimento de reflexão, apoiado pela opinião pública, sobre os defeitos do acordo ortográfico e a necessidade de o bloquear".

Os organizadores do projeto pretendem solicitar a discussão do documento, dirigido ao presidente português, Aníbal Cavaco Silva, ao presidente Parlamento, Jaime Gama, e ao primeiro-ministro, José Sócrates.

Os participantes afirmam que o acordo ortográfico "não tem condições" para servir de base a qualquer proposta normativa, descrevendo o projeto como uma "reforma da maneira de escrever mal concebida, desconchavada, sem critério de rigor e nas suas prescrições atentatória da defesa da língua"

"Reforma não só desnecessária, mas perniciosa e de custos financeiros não calculados", afirmam os autores do abaixo-assinado. O Parlamento português vai discutir e votar a reforma ortográfica em 15 de maio.

O grupo pede ainda que o Ministério luso da Educação "assuma uma posição clara de respeito pelas correntes de pensamento que representam a continuidade de um patrimônio de tanto valor e para ele contribuam com o progresso da língua dentro dos padrões da lógica, da instrumentalidade e do bom gosto".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend