Portugal e RTP garantem cobertura da emissora em Timor

Foi assinado um protocolo, em 29 de março, pela RTP (Rádio e Televisão de Portugal), RTTL (Rádio Televisão de Timor-Leste) e IPAD/MNE (Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento e Ministério dos Negócios Estrangeiros), um protocolo que visa uma maior cobertura do sinal das emissões em mais quatro distritos de Timor, um investimento do IPAD e MNE de 1,2 milhões de euros.

Serão instalados seis centros de emissores de televisão e rádio no país, e o projeto deve ser concluído em março de 2007, quando as emissões da RTTL devem cobrir 31% da população total timorense. Apesar de formada por equipes da RTP, a partir da data a manutenção e gestão ficará por conta de técnicos da RTTL.

O ministro dos Assuntos Parlamentares, Augusto Santos Silva, afirmou que “Portugal tem muito a beneficiar deste esforço de cooperação”, destacando a promoção e a defesa da cultura e da língua portuguesa. A maioria do conteúdo transmitido pela RTTL – 83% do total – é de responsabilidade do grupo RTP. Esta partilha se intensificou em 2004, e irá ser mantida após o projeto. Em julho do ano passado, a RTP já tinha oferecido o desenvolvimento da imagem gráfica da estação pública timorense. Notícias Lusófonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend