Países lusófonos assinam acordo em segurança elétrica

Da Agencia Lusa

 

Os países de língua portuguesa assinam na quinta-feira, 06 de dezembro, um acordo que prevê a realização, de dois em dois anos, de encontros entre responsáveis para desenvolverem a cooperação na área da segurança e certificação de instalações elétricas.No encontro, organizado pela Certiel – Associação Certificadora de Instalações Elétricas, que acontece nesta quinta-feira, em Lisboa, José Tomaz Gomes, presidente da instituição, disse à Agência Lusa que este primeiro encontro visa a reforçar "a cooperação no setor da segurança e certificação de instalações elétricas".O encontro, que conta com representantes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Portugal, "constitui um passo importante no intercâmbio das boas práticas em matéria de segurança elétrica", diz o responsável.José Tomaz Gomes adianta ainda que, tendo em conta as especificidades de cada um dos países, a contribuição da Certiel pode ser também "muito positiva"."A Certiel, entidade sem fins lucrativos, com autonomia técnica, administrativa, econômica e financeira e dotada de estatuto de utilidade pública, tem um grande know-how e uma experiência de vários anos na Europa", declara o Gomes."Ao organizarmos este primeiro encontro, queremos criar laços na cooperação entre este conjunto de países, disponibilizar publicações nesta área de atividade, utilizar o site da Certiel como plataforma para troca de experiências e conhecimento, além exportarmos serviços", salientou.Fundada em 23 de julho de 1996, a Certiel tem como objetivo a inspeção e certificação das instalações elétricas para permitir a segurança de pessoas e bens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend