Missão da ONU desmente acusações de violação de direitos humanos

Em Angola – A missão das Nações Unidas em Angola contradisse as acusações de violação de direitos humanos que Milloon Kothari, o relator especial da ONU para Habitação, afirmou na quinta-feira, 30 de março, acusando o governo angolano por “persistentes despejos à força” de habitantes em diversas zonas do país.

No sábado, 01 de abril, a Missão Permanente de Angola nas Nações Unidas divulgou comunicado declarando “surpresa e indignação” pelas declarações de Kothari, citando suas críticas como “um gesto inaceitável”. Milloon Kothari acusou as autoridades angolanas de não responderem às preocupações que levantou, referindo que a sua visita oficial a Angola foi adiada e o governo do país ainda não marcou nova data.

A Missão angolana afirma que a visita “está a ser organizada”, e garante o “empenho crescente ativo” do executivo na colaboração com as Nações Unidas, citando o aumento de relatórios oficiais enviados e a disponibilidade para acolher representantes da ONU em Angola. Notícias Lusófonas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend