Consórcio luso-brasileiro constrói cimenteira em Angola

De Portugal Digital

A construtora brasileira Camargo Corrêa e o grupo português Escom (Espírito Santo) vão investir 130 milhões de euros na construção de uma cimenteira em Angola.

A unidade industrial será instalada na província de Benguela, litoral centro do país. O acordo entre os dois grupos empresariais, que controlarão 60% do capital, foi assinado na última semana, na capital angolana.

A cimenteira deverá começar a produzir dentro de três anos, com capacidade de produção de 600 mil toneladas /ano, na fase inicial, devendo este valor duplicar após o terceiro ano de operação.

Congresso Africano de Estradas com técnicos brasileiros O II Congresso Africano de Estradas, a decorrer de 26 a 28 deste mês em Luanda, conta com a participação de especialistas do Brasil e do Reino Unido. Devem participar do evento representantes de 42 países africanos.

Recursos financeiros, capitalização de financiamento para projetos, expropriações, tecnologia e materiais locais, conservação de estradas, meio ambiente, segurança rodoviária, capacitação e formação e corredores de desenvolvimento são alguns dos temas em discussão.

Telefonia móvel em Quela e Cangadala A operadora angolana de telefonia móvel "Movicel" abriu oficialmente sua rede na segunda-feira, dia 16, nos municípios do Quela (nordeste) e Cangandala (sul), na província de Malanje, onde instalou antenas.

A inauguração da rede nos municípios do Quela e Cangandala faz parte de um programa de extensão de redes telefônicas em todo o país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend