Angola apresenta oportunidades para o Brasil

Da Redação

 

Entre os dias 16 e 19 de outubro, será realizada em Luanda a Feira Constrói Angola 2008, uma oportunidade para as empresas brasileiras, especialmente da construção civil.

A afirmação foi feita na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), pelo gerente executivo da Câmara do Comércio Brasil – República Sul Africana, Fernando Tomé.

“Como é um continente carente de tudo, há espaço para negócios em todas as áreas. Eles chegam a vender produtos de commodities para outros países e comprá-los de volta industrializados”, explicou Fernando Tomé. “O desafio não é reconstruir e sim construir. O Brasil é uma nação amiga, falamos a mesma língua da Angola e há muito espaço para ótimos negócios”, afirmou.

De acordo com ele, “os chineses estão investindo fortemente na África, mas o perfil deles é muito agressivo na área dos negócios, daí a preferência pelos brasileiros que têm mais ‘jogo de cintura’”.A Feira Constrói Angola chega à sua sexta edição, e neste ano conta com o patrocínio da empresa brasileira Odebrecht, que investe pesado no país.

O ministério da Indústria e Comércio, a balança comercial do Brasil com Angola foi superavitária em US$ 273,445 milhões (contra US$ 378,279 milhões).

Depois de 27 anos em guerra civil, Angola encontra-se em um lento processo de reconstrução. Segundo maior produtor de diamantes do mundo, o país é rico em recursos minerais e representa uma grande potência na indústria petroleira. As informações são do InfoRel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend