Governo dos Açores promove II Encontro de Genealogia Açores-Brasil

Mundo Lusíada

 

A Secretaria Regional dos Assuntos Parlamentares e Comunidades, através da Direção Regional das Comunidades, promove o II Encontro de Genealogia Açores-Brasil, em formato virtual, na próxima quarta-feira, dia 10 de julho.

O evento, de caráter interativo e formativo, tem como objetivo abordar questões de genealogia comuns aos Açores e ao Brasil, visando refletir e debater sobre a cumplicidade histórica de nomes representativos que foram levados pelos casais açorianos há mais de 270 anos e que ainda se mantêm, designadamente, nos Estados de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

O programa do Encontro de Genealogia Açores-Brasil prevê as intervenções de três prestigiados representantes dos institutos históricos com importante trabalho desenvolvido nesta área, no Brasil e nos Açores, nomeadamente, Diego de Leão Pufal, do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, Sérgio Luiz Ferreira, do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, e de Jorge Forjaz, em representação do Instituto Histórico da Ilha Terceira.

A abertura e moderação dos trabalhos estará a cargo do Diretor Regional das Comunidades, José Andrade.

A transmissão, aberta ao público, poderá ser acompanhada através da página “Comunidades Açores” na rede social Facebook, a partir das 17h00 dos Açores, 14h00 no Brasil, com duração estimada de 90 minutos, possibilitando a interação entre os participantes e os espetadores através de questões colocadas por mensagem escrita.

“Ciente da relevância da genealogia, o Governo dos Açores continua a apostar na realização de iniciativas deste âmbito que muito contribuem para o conhecimento e compreensão da história das ilhas e para a sua proximidade com diáspora açoriana” divulga o governo.

O I Encontro de Genealogia Açores-Brasil realizou-se em 2021, também por iniciativa da Direção Regional das Comunidades, com a participação virtual dos mesmos genealogistas, com a adesão de muitos açordescendentes em diferentes estados brasileiros.

Imigrantes nos Açores

Ainda hoje nos Açores, o Presidente do Governo Regional José Manuel Bolieiro presidiu o III Encontro Consular dos Açores, com a participação dos membros do corpo consular da Região.

Durante o evento, José Manuel Bolieiro destacou a capacidade crescente da Região em receber e integrar imigrantes, salientando a estabilidade demográfica proporcionada pelo aumento de residentes estrangeiros.

“Os Açores são cada vez mais um território e uma economia de recepção de imigrantes. Fazemo-lo com grande capacidade de integração e de bom acolhimento”, afirmou o governante. “Apesar de o saldo natural nas nossas ilhas ser negativo, há uma estabilidade demográfica, resultante deste aumento de imigrantes a residir nos Açores”.

O encontro foi dividido em dois painéis temáticos: o primeiro painel focou-se no apoio consular aos cidadãos estrangeiros nos Açores, com intervenções de representantes consulares.

O segundo painel abordou o apoio institucional na Região, contando com a participação do Diretor Regional das Comunidades, José Andrade, da Diretora da Associação de Imigrantes nos Açores, Marina Aguiar, e da Diretora do Gabinete de Apoio a Migrantes da CRESAÇOR, Ana Silva.

José Manuel Bolieiro aproveitou a ocasião para informar o corpo consular sobre a intenção do Governo dos Açores de estabelecer um protocolo com a Associação de Imigrantes nos Açores (AIM) para a certificação de dados biométricos em cada ilha. Este protocolo será facilitado pela Rede Integrada de Apoio ao Cidadão (RIAC), permitindo a documentação sem a necessidade de deslocação inter-ilhas, otimizando o processo e tornando-o mais acessível para todos os imigrantes na Região.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: