Entrevista: O novo presidente da Casa dos Açores do Rio de Janeiro em 2019

Por Igor Lopes

No último dia 29 de novembro, a Casa dos Açores do Rio de Janeiro realizou eleições para escolher novos secretários, nova diretoria administrativa e um novo presidente para o biênio 2019 – 2020.

João Leonardo Soares, atual diretor artístico, foi eleito como novo presidente da Casa. Em entrevista à nossa reportagem, esse jovem, que assumirá as novas funções a partir de 01 de janeiro, falou sobre os projetos que serão desenvolvidos e sublinhou a sua ligação com a entidade açoriana.

Como recebeu o resultado da eleição?

Com bastante tranquilidade! Tínhamos uma chapa única, tanto na reunião da Assembleia Geral como na reunião do Conselho Deliberativo.

Há quanto tempo está ligado à Casa e de que forma?

Frequento a Casa dos Açores desde criança. Os meus pais são da ilha Terceira e frequentavam as festividades. A ligação ficou maior a partir do momento em que o meu pai fez parte da Diretoria, no cargo de vice-presidente, em 1989, e daí foram vários mandatos como Procurador. Eu iniciei no Grupo Folclórico Padre Tomáz Borba, em 1992, e sou componente desde essa época. Em 1997, fui convidado pelo ex-presidente Eduardo Lima, para ser ensaiador e, no ano seguinte, através do ex-presidente Albino Alves, assumi também como Diretor Artístico. São 26 anos como componente, 21 anos como ensaiador e 20 anos como Diretor Artístico do Grupo Folclórico.

Que experiência da diretoria artística leva para o cargo de Presidente da Casa?

O folclore te dá a possibilidade de aprender a trabalhar em equipe, por um ideal e sem remuneração. Você lida o tempo todo com capital humano, administrando momentos ótimos, de alegria e conquistas e também momentos não tão bons como vaidades, conflitos e baixas que são normais nesse universo. Foi através do folclore que dediquei grande parte do tempo à Casa dos Açores e, com certeza, tudo o que aprendi servirá para o cargo de Presidente.

O que pretende fazer durante a sua gestão?

A nossa gestão nos próximos dois anos será de continuidade do bom trabalho realizado pelo presidente Fernando Fagundes. Temos a intenção de entregar, até julho de 2019, o novo Centro Cultural da Casa dos Açores, que abriga todo o acervo bibliográfico, musical e digital catalogado para que seja utilizado por pesquisadores e professores da cultura açoriana. Iniciaremos também as obras na nova sala do Grupo Folclórico Padre Tomáz Borba que cedeu o seu espaço para a ampliação do Centro Cultural e que agora necessita de novo local compatível com a sua história e o seu acervo. Investiremos também em eventos que já são fixos no calendário da Casa, como o Encontro Cultural Açoriano e o Festival Internacional de Folclore.

Que pontos pretende trabalhar e se dedicar?

Dar maior atenção à divulgação da Casa dos Açores dentro da comunidade luso-brasileira, principalmente através das redes sociais, procurando atingir um público de descendentes que pode e deve ser explorado.

Quem fica na diretoria artística no seu lugar?

Continuarei ocupando a diretoria de Folclore e, nessa tarefa, tenho ao meu lado, como segunda diretora, a minha esposa Patrícia Soares. Como ensaiadora do rancho adulto, contamos com a Sónia Andrade. Para ensaiar o grupo das crianças, temos a Flávia Ormonde.

Que mensagem deixa para a comunidade açoriana no Rio?

Que prestigiem a Casa dos Açores!!! Fazemos um evento por mês visando proporcionar este reencontro e que tragam os seus filhos e netos. Vamos realizar algumas coisas novas para os descendentes dos açorianos em evento com outra roupagem, pois a adaptação é necessária. Podem ter a certeza de que temos uma diretoria competente que vai trabalhar com afinco para a manutenção das tradições açorianas no Rio de Janeiro.

Conheça a nova Diretoria da Casa dos Açores do Rio de Janeiro:

Presidente – João Leonardo Soares

1° Vice – Presidente – Fernando Pires Fagundes

2° Vice – Presidente – Álvaro Neves da Silva Mendonça

1° Secretária – Sónia Maria Veloso de Andrade

2° Secretário – Irineu Deisio Ormonde Rocha

1° Tesoureiro – Davi Mendes Faria de Toledo

2° Tesoureiro – Francisco José Pires Freitas

1° Procurador – António Amaro Soares da Costa

2° Procurador – António Carlos de Andrade

1° Diretor Social – Daniel Fernando de Jesus Pacheco

2° Diretor Social – Marcelo Cota Ormonde

1° Diretor Cultural – Daniel Evangelho Gonçalves

2° Diretora Cultural – Flávia Fragoso Ferreira Ormonde

1° Diretor Artístico – João Leonardo Soares

2° Diretora Artístico – Patrícia Maria Fernandes Moreira Soares

1° Diretor de Esportes – Marcelo Cota Ormonde

2° Diretor de Esportes – Paulo Renato da Silva Torres

1° Diretora Relações Públicas – Magali Carneiro de Amorim Alves

2° Diretor Relações Públicas – Daniel Ferreira Abreu

1° Diretora Departamento Feminino – Rosemary Fernandes da Costa Moreira

2° Diretora Departamento Feminino – Sónia Maria Veloso de Andrade

Conselho Fiscal:

1° Alexandre Gonçalves Pimentel

2° Francisco de Assis Lemos Rocha

3° João Vaz Teixeira

Conselho Deliberativo:

Presidente: Anselmo Pires Fagundes

1° Secretário: João Marcos da Rocha Pires Fagundes

2° Secretário: José Galante Gonçalves Toste

A Festa de apresentação da nova Diretoria será realizada no dia 13/01/2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend