Comunidade Portuguesa homenageada na Câmara Municipal de São Paulo

Por Odair Sene

No dia 29 de novembro, aconteceu no Plenário 1º de Maio, na Câmara Municipal de São Paulo, uma solenidade intitulada “Homens de Destaque 2019”. O evento foi presidido pelo vereador Eduardo Tuma, onde o Cônsul Geral de Portugal em São Paulo, Paulo Nascimento, o presidente da Casa de Portugal, Antônio dos Ramos, e os diretores Durval de Noronha Goyos Jr e Eduardo Del-Campo, foram homenageados em representação da Comunidade Portuguesa, em ato que, para além de prestigiar os homenageados, valoriza e fortalece as entidades luso-brasileiras presentes no Estado.
Ao Mundo Lusíada, o responsável pelo evento, o advogado Eduardo Tuma, atual presidente da Câmara Municipal de São Paulo, falou sobre a solenidade “Homens de Destaque 2019”, dizendo que há sete anos, o evento pretende reconhecer figuras que prestam um serviço à sociedade brasileira, paulista e paulistana, nas mais diversas áreas. “É poder fazer uma homenagem em vida àqueles que contribuem para a sociedade”, declarou Tuma.
O primeiro a ser homenageado foi o cônsul de Portugal, Paulo Nascimento, em seu primeiro diploma de homenagem recebido na Câmara Municipal desde que assumiu o cargo. Ao Mundo Lusíada, o cônsul falou sobre a proximidade com o poder público brasileiro. “Essa proximidade é muito importante, na medida em que me referi, é essencial para que a comunidade portuguesa possa ser reconhecida e possa trabalhar com autoridades brasileiras em prol daquilo que se pretende que é o reforço da comunidade portuguesa”.
Segundo o cônsul, é necessário que a comunidade se abra para o Brasil. “A comunidade portuguesa não deve viver isolada, deve viver integrada na comunidade [local], próxima das outras comunidades, como a comunidade italiana e japonesa, e deve fazer com isso, aquilo que é o Brasil”, disse se referindo a miscigenação cultural desde a formação do país.
Em seu discurso, Paulo Nascimento também citou o trabalho feito pela Beneficência Portuguesa de São Paulo, Provedoria da Comunidade Portuguesa, e Casa de Portugal. “São grandes marcas portuguesas, eu referi em particular a Casa de Portugal de São Paulo pelo significado que a casa tem, sem menosprezo pelas outras que existem. Sobre a Beneficência Portuguesa, porque é uma enorme obra na área da saúde, hoje com uma grande expressão como poucas tem no Brasil, e até na América Latina, e citei o Lar da Provedoria porque me parece uma instituição importantíssima, que representa o melhor do que a comunidade portuguesa tem, em termos de valor e solidariedade, e merece muitíssimo ser apoiada pela comunidade e não só”.
Um dos homenageados representando a comunidade portuguesa, o comendador Antonio dos Ramos, também comentou a homenagem. “É importante o reconhecimento e é importante que a gente se interaja cada vez mais. Costumo dizer que temos que voltar a Casa de Portugal cada vez mais para a sociedade brasileira, para São Paulo, temos que alargar a ação e abrindo-a cada vez mais aos brasileiros”.
Ao Mundo Lusíada, Eduardo Tuma comentou também a presença portuguesa nessa noite. “A comunidade luso-brasileira, nossos coirmãos, Portugal é a pátria mãe que nos ensinou e nos ensina ainda hoje, e a sociedade portuguesa que ajudou a construir no seu início o nosso país e continua a contribuir, continuamos importando a cultura portuguesa para fazer parte da cultura brasileira. É família, é uma coirmandade que se resume na própria expressão familiar”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend