Casa da Ilha da Madeira de Santos homenageia vítimas das enchentes

Por Ronaldo Andrade De Santos para Mundo Lusíada

Foto Rita Carmo

>> Membros da Diretoria e convidados se confraternizam ao final do evento.

Num clima marcado pela emoção, a Casa da Madeira de Santos homenageou as vítimas das enchentes da Ilha da Madeira no evento ‘Almoço Tropical’, realizado na sede da entidade no último dia 28. Mais de 200 pessoas compareceram à solenidade, que também teve homenagem à Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar – Regional Baixada Santista e apresentação aos sócios dos novos membros da Diretoria e Conselho Deliberativo, eleitos em janeiro.

O presidente da Casa da Madeira, Armindo da Corte Faria, e o presidente do Conselho Deliberativo, Antônio Xavier da Silva, agradeceram o apoio da comunidade portuguesa aos madeirenses. Em seguida, o frei Lino de Oliveira, da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, proclamou palavras de fé e esperança às vítimas e aos familiares, pedindo aos convidados que dessem as mãos para rezar o Pai Nosso, num momento emocionou muitas pessoas.

O presidente da Associação Caboverdiana do Brasil e assessor do cônsul-honorário de Portugal em Santos, José Augusto do Rosário, afirmou que o consulado está à disposição para quem desejar obter informações sobre familiares que moram na Madeira, agradecendo também o apoio do Banco Banif, que abriu uma conta para ajudar às vítimas das enchentes (C/C 00214701-2, Banif Solidariedade às vítimas da Ilha da Madeira). O comendador Vasco de Frias Monteiro, vice-presidente da Casa de Portugal de São Paulo e conselheiro das Comunidades Portuguesas, também manifestou seu apoio: “Na reunião do Conselho Luso-Brasileiro propus um voto de pesar e estamos analisando a possibilidade de organizar um evento para angariar fundos às vítimas”, declarou.

Após a apresentação dos novos membros da Diretoria e Conselho Deliberativo para o biênio 2010 / 2011, Armindo Faria entregou uma placa ao presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar, Sérgio Caldas Santana, que afirmou que a homenagem recebida pela Casa da Madeira engrandece e valoriza o trabalho realizado, elevando a autoestima dos policiais: “É o reconhecimento do nosso serviço em defesa da população”, agradeceu Santana, que também presenteou com uma placa o novo presidente da Casa da Madeira: “Desejamos ao Armindo muito sucesso nessa nova jornada”, declarou.

O vereador da Câmara Municipal de Santos, Sadao Nakai (PSDB), esteve no evento prestando solidariedade às vítimas da tragédia: “Transmito meu sentimento de pesar às vítimas, colocando-me à disposição para colaborar”, declarou. O vereador Odair Gonzalez (PR), que não pôde comparecer devido a compromissos agendados anteriormente, ressaltou a ligação que Santos têm com os imigrantes madeirenses, especialmente no Morro do São Bento, onde se localiza o Rancho Folclórico Típico Madeirense e também o Centro Turístico, Cultural e Esportivo, que ajuda a divulgar a cultura da Madeira.

No final do evento, que teve apresentação musical do Trio Musikroma e cardápio composto por saladas tropicais, carne assada e doces portugueses, acompanhados por refrigerante, água, cerveja e vinho, Armindo Faria estava satisfeito com a organização da solenidade: “Os convidados ficaram emocionados com as homenagens. Agradeço a todos os membros da Diretoria, do Conselho Deliberativo e dos sócios. É muito importante o apoio recebido nesse primeiro evento da nova gestão”, disse. O próximo evento da Casa da Madeira será no dia 17 de abril, no Jantar de Aniversário da entidade, que comemora 76 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Send this to a friend