Almoço Arouquense em SP teve bacalhoada e folclore do Aldeias

Por Odair Sene

No domingo, dia 8 de outubro a diretoria do Arouca São Paulo Clube esteve mais numa vez recepcionando seus convidados para mais um almoço com a famosa e tradicional bacalhoada arouquense.

Dessa vez, ainda sem a presença do presidente José de Pinho, em viagem a Portugal, e ainda com a diretoria representada pelo vice Artur Andrade Pinto, sobressaiu a performance do Rancho Folclórico Aldeias da Nossa Terra, que é o grupo da casa.

Quem falou com o Mundo Lusíada foi o diretor de folclore da entidade, Fábio Vaz, que está com o grupo no Arouca desde o ano de 2007 (10 anos), tendo como uma das características, a experiência de componentes antigos, inseridos no folclore há muitos anos. Também por isso Fábio diz que os componentes “tentam mostrar sempre o melhor e o mais típico do folclore português”.

Atualmente o Aldeias da Nossa Terra mantém cerca de 50 componentes, e mantém sua antiga característica de dançar as modas do norte ao sul de Portugal, o que proporciona muitas apresentações tanto dentro de São Paulo quanto fora do Estado. Como acontece no final de outubro, dia 28, quando o Rancho viaja para São João da Boa Vista, onde tem uma comunidade portuguesa (parceira do Mundo Lusíada) já muito atuante e onde tem a entidade “Grupo Luso Brasileiro Andorinhas”, que vem tentando reduzir as distâncias entre S.J. da Boa Vista, São Paulo, ABC, Campinas, etc..

“Hoje nosso Rancho Aldeias é formado por pessoas que se conhecem há muitos anos, se falam muito fora das festas portuguesas, somos uma família grande”, disse o Fábio, que é diretor de folclore e que tem como ensaiador o Toninho (Antonio Carlos Vale Fernandes). Acompanhe nossa agenda no online para saber sobre os próximos eventos do Arouca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend