Leiria espera chegar aos sete mil espetadores com Ópera no Patrimônio

Da Redação
Com Lusa

O município de Leiria, centro de Portugal, espera chegar aos sete mil espetadores na terceira edição de Ópera no Patrimônio, que leva à cidade sete espetáculos de quinta a segunda-feira.

O programa foi apresentado no Jardim da Almuinha Grande, onde terá lugar o concerto coral sinfônico ‘Requiem’, de Giuseppe Verdi, no domingo à noite, uma aposta forte da organização.

“São sete concertos e temos capacidade para até sete mil pessoas. Só neste espaço poderemos chegar a alguns milhares de pessoas”, disse a vereadora da Cultura, Anabela Graça, que vê Ópera no Patrimônio como caminho para a “democratização cultural”.

A par de outros espaços, como o Museu de Leiria, Moinho do Papel, Biblioteca Municipal ou Teatro José Lúcio da Silva, Ópera no Patrimônio estende-se ao patrimônio natural.

“O Jardim da Almuinha Grande é um espaço nobre e novo. Trazer a ópera aqui cria-nos uma grande expectativa sobre a reação do público”, sublinha a vereadora, desejando que aquela zona verde seja também “um palco para as artes”.

O maestro José Ferreira Lobo, que coordena Ópera no Patrimônio, acredita que um espetáculo ao ar livre, num espaço público a poucos metros de uma das entradas na cidade e junto A19/IC2, vai permitir “ganhar algumas pessoas para a ópera”.

“Ao ar livre, a ópera não tem a carga que tem para certas camadas da população. Verificamos isso em Foz Côa ou Pinhel, onde quem passa ouve e fica. O processo de aculturação feito por um convite natural à fruição pode ser muito positivo”.

Ópera no Patrimônio em Leiria começa na quinta-feira, com concertos de quarteto de cordas no Moinho do Papel e Centro de Diálogo Intercultural de Leiria.

No sábado, há novo concerto de cordas na Biblioteca Municipal Afonso Lopes Vieira. À noite, as portas do Teatro José Lúcio da Silva abrem ao público para um ensaio aberto da ópera ‘Madama Butterfly’, de Puccini.

Um grupo de sopros atua no domingo no Museu de Leiria e, à noite, há concerto coral sinfônico ‘Requiem’, de Verdi, no Jardim da Almuinha Grande.

‘Madama Butterfly’ encerra o programa na segunda-feira, no Teatro José Lúcio da Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend