Esperança de vida em Portugal aumentou 1,5 anos em menos de uma década

Da Redação
Com Lusa

As mulheres com 65 anos em Portugal podem esperar viver ainda, em média, mais 20,88 anos e os homens mais 17,58 anos, com uma esperança de vida global à nascença de 80,8 anos.

Os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) hoje divulgados pertencem às Tábuas de Mortalidade para o triênio 2016-2018 e mostram que em relação a 2008/2010 a esperança de vida à nascença aumentou 1,51 anos.

A esperança de vida à nascença em Portugal situou-se em 80,8 anos para o total da população, sendo de 77,78 anos nos homens e de 83,42 anos nas mulheres.

A diferença da esperança de vida entre mulheres e homens tem vindo a diminuir, sendo de 5,65 anos no triênio 2016-2018, quando era de 6,02 entre 2008 e 2010.

A esperança de vida à nascença é mais elevada na região Norte (81,18 anos para toda a população da região), mas é na Área Metropolitana de Lisboa que a esperança de vida aos 65 anos é maior.

Em termos de esperança de vida aos 65 anos, Portugal passou de 18,59 anos em 2008/2010 para 19,49 em 2016/2018, um acréscimo de quase mais um ano. Os mais recentes indicadores do INE mostram que as mulheres aos 65 anos podem viver mais 20,88 anos, enquanto os homens podem viver em média mais 17,58 anos.

Á área Metropolitana de Lisboa registou uma esperança de vida aos 65 anos de idade de mais 19,81 anos, a maior do país. As regiões autônomas da Madeira e dos Açores são as que registam menor esperança de vida aos 65 anos, sendo de 17,24 nos Açores e de 17,69 na Madeira.

Também ao nível da esperança de vida à nascença é nas regiões autônomas que se verificam os valores mais baixos.

Nos últimos oito anos foram registradas melhorias na esperança de vida à nascença em todas as regiões, sendo o maior aumento o da Região Autônoma da Madeira, onde a esperança de vida passou de 76,13 anos em 2008/2010 para 78,30 em 2016/2018.

Isto significa que na Madeira as pessoas podiam viver em média mais 2,17 anos do que em 2008/2010.

Em termos nacionais, Portugal passou de uma esperança média de vida à nascença de 19,64 anos em 2008/2010 para os 81,18 em 2016/2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto:

Send this to a friend