Debate discute Portugal e os Portugueses visto por Imigrantes

 

Para discutir o assunto, será exibido o documentário “Retratos” da aluna do Curso de Documentários do Programa Gulbenkian Criatividade e Criação Artística, Luísa Homem, seguido de debate sobre a visão da mídia, além de alguns testemunhos trazendo experiências migratórias.

Durante a conferência, o técnico brasileiro Luíz Felipe Scolari, e Ramon Font, Ex-Presidente da Associação de Imprensa estrangeira em Portugal, que foi correspondente da televisão espanhola em Portugal por anos, também expõe suas idéias.

Ainda, participam do debate três jornalistas de veículos de comunicação estrangeiros, correspondentes em Portugal: Belen Rodrigo, do ABC de Espanha, Peter Wise, do Finantial Times e do The Economist e Eduardo Guennes, do jornal Comércio do Brasil. “Os jornalistas estrangeiros têm uma visão própria do país que acompanham para os seus órgãos de informação e, profissionalmente, têm um papel muito relevante na formação da idéia e da imagem que nos outros países (incluindo os da origem dos imigrantes) se faz de Portugal”, divulga a organização.

“As migrações incentivam o contato entre diferentes culturas, diferentes etnias e distintas religiões, em especial nos países de destino. Por isso, a reação das populações destes países de acolhimento, em relação aos que imigram, seja muitas vezes marcada pelas dificuldades inerentes à relação com o que é diferente, com o que é estranho, com um outro distinto de nós ou com muitos outros diferentes de nós, mas diferentes também entre si”.

O debate, moderado pelo Comissário do Fórum, António Vitorino, ocorre neste dia 31 de janeiro, às 15 horas, no Auditório 2 da Fundação Calouste Gulbenkian, com entrada livre.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: